Cachaça

PINGA, CANA, CANINHA, AGUARDENTE, água-que-passarinho-não-bebe.

Não importa o nome que receba, essa bebida fermentada e destilada a partir da cana-de-açúcar é fundamental na receita do drinque típico do Brasil, a caipirinha, feita com cachaça, limão, açúcar e gelo. E se antes era considerada inferior, hoje exibe condição muito mais nobre: entusiastas do país inteiro estão sempre em busca do alambique mais artesanal ou exclusivo. A tarefa não é fácil, já que o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento registrou, em 2013, mais de 1400 produtores de cachaça. Na culinária, pode substituir o vinho branco em molhos, marinadas e flambados e figura como ingrediente de balas, gelatinas, bolos, caldas ou massas de tortas e pastéis.